terça-feira, 28 de maio de 2013

Saudade

Eu com um saudosismo inexplicável nesta tarde:
video
E não podia ser de uma só forma. Então aí vai a outra versão:
video
Alguns, sem algumas características, não vão entender ou talvez gostar, mas coloco também a letra original e a tradução da música de Atahualpa Yupanqui:




Los Hermanos                                                     Os irmãos

Yo tengo tantos Hermanos                                  Eu tenho tantos irmãos
Que no los puedo contar                                    Que nem posso contar
En el vale en la montaña                                     No vale nas montanhas
En la pampa y en el mar                                      No pampas, e no mar
Cada cual con sus trabajos                                Cada qual com seu trabalho
Con sus sueños cada cual                                 Com seus sonhos de qual
Con la esperanza adelante                                 Com a esperança pela frente
Con los recuerdos de trás                                  Com lembranças atrás
Yo tengo tantos Hermanos                                 Eu tenho tantos irmãos
Que no los puedo contar                                    Que nem posso contar

Gente de mano caliente                                      Gente de mãos quentes
Por eso de la amistad                                         Por isso, a amizade
Con um lloro para llorarlo                                  Com lágrimas para chorar
Con un rezo para rezar                                       Com uma oração para rezar
Con un horizonte aberto                                    Com um horizonte aberto
Que siempre esta más allá                                  Que sempre está mais além
Y esa fuerza pa buscarlo                                     E este força pra buscá-lo
Con tezón y voluntad                                          Com volúpia e vontade
Cuando parece más cerca                                  Quando parece que está mais perto
Es cuando se aleja más                                      É quando ele se move mais
Yo tengo tantos Hermanos                                Eu tenho tantos irmãos
Que no los puedo contar                                   Que nem posso contar

Y asi seguimos andando                                    E assim seguimos andando
Curtidos de soledad                                           Curtidos de solidão
Nos perdemos por el mundo                             Nós nos perdemos pelo mundo
Nos volvemos a encontrar                                 Voltamos a nos encontrar
Y asi nos reconocemos                                      E assim nos reconhecemos
Por el lejano mirar                                               Pelo distante olhar
Por las coplas que mordemos                           Como as mentiras que contamos
Semillas de imensidad                                        Sementes de imensidão
E asi seguimos andando                                    E assim seguimos andando
Curtidos de soledad                                            Curtidos de solidão
Y en nosotros nuestros muertos                        E em nós os nossos mortos
Pa que nadie quede atrás                                   Para que ninguém fique para trás
Yo tengo tantos hermanos                                                Eu tenho tantos irmãos
Que no los puedo contar                                   Que nem posso contar
Y una hermana muy hermosa                             E uma irmã muito formosa
Que se llama libertad                                           Que se chama liberdade

Link:http://www.vagalume.com.br/elis-regina/los-hermanos-traducao.html#ixzz2UcMrutdr
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário